Como Ser Mais Resiliente na Meia-idade

June 19, 2021

Comments

Share

A meia-idade é um desafio e as pessoas enfrentam vários eventos críticos; tornar-se mais resiliente é essencial para recuperar a vontade de viver. Além disso, a meia-idade pode ser um momento crucial para muitos adultos, caracterizada por preocupações com o presente, incertezas sobre o futuro e repleta de experiências passadas dolorosas.

Você já ouviu falar sobre resiliência? Bem, ela se trata de um processo que permite aos seres humanos saber conviver com diversas situações, as quais muitas vezes são traumáticas.

Quer entender melhor o que é resiliência e passar a aplicá-la em sua rotina? Então continue lendo este post até o final. Aqui você irá encontrar alguns exemplos e também as características de pessoas resilientes, para que tenha a chance de se tornar uma delas!

Confira!

Quais são as características de uma pessoa resiliente?

Para o psicólogo Donald Meichenbaum, às vezes a resiliência é flexível; a pessoa pode ser mais resistente e, em outras, menos resiliente.

A resiliência pode estar disponível e mais acessível a uma pessoa em um período de sua vida do que em outras. Os indivíduos podem passar por períodos de extrema angústia, emoções negativas e mau funcionamento e ainda assim emergir resilientes”

Donald Meichenbaum
Uma pessoa resiliente possui algumas características bastante específicas. Veja algumas delas na lista a seguir:
  • em geral, essas pessoas são mais abertas ao fortalecimento dos laços afetivos. Porém o que importa é a qualidade e não quantidade de pessoas ao redor dela. Não são seres autossuficientes ou individualistas;
  • as pessoas resilientes buscam o apoio de sua rede afetiva para passar por adaptações em momentos de grande dificuldade;
  • elas tendem a lidar com suas emoções de maneira mais inteligente;
  • as pessoas resilientes costumam manter seu foco no presente, definindo novas metas a serem atingidas e deixando o passado para trás;
  • elas costumam ser protagonistas do seu próprio destino, independente se passam por uma situação dolorosa ou não. Assim, não costumam dedicar tempo e energia com queixas e reclamações;
  • a pessoa resiliente sabe que tudo em sua vida precisa ser agradecido, inclusive se estiver em um momento doloroso. Em geral, elas buscam agradecer por um ombro amigo, uma palavra de consolo, etc.;
  • todas elas procuram serem felizes mesmo quando tudo se volta contra isso. Assim, conseguir atingir esse processo faz com que se tenha maior empatia e sensibilidade, tanto com outras pessoas, quanto com ela própria.

O que significa resiliência?

Resiliência é a capacidade de se adaptar a qualquer situação problemática vivida em qualquer momento da vida. Portanto, ser resiliente pode ajudar a se ajusta às mudanças que ocorrem na meia-idade.

Ela compreende entender os comportamentos que as pessoas adotam para lidar com situações dolorosas, como por exemplo, a perda de um ente querido, doenças graves, etc. Ou seja, é a capacidade de se adaptar aqualquer situação difícil vivenciada em um dado momento da vida, conseguindo superá-la.

E é justamente isso que pode fazer com que se permaneça em um estado de felicidade, mesmo quando as coisas deixam de ser favoráveis

Por ser algo totalmente relacionado à capacidade humana, a resiliência requer simplesmente o pensar em alguma coisa que foi superada para que uma nova transformação se faça possível.

Assim, na lista a seguir você irá encontrar exemplos de situações não favoráveis que podem gerar esse estado de espírito:

  • um amor não correspondido: aqui é preciso que se elimine certas expectativas, de modo a permitir que seu plano sentimental ajude a esquecer a pessoa;
  • cura de alguma doença ou enfermidade e morte de entes queridos: a saúde é algo que deve ser muito valorizado e, quando ela falha, para muitas pessoas o processo de resiliência vem à tona;
  • quando se supera um processo de grande mudança: o divórcio é um dos maiores exemplos nesse sentido, pois ele elimina toda uma rotina que já havia sido estabelecida com o passar do tempo;
  • a perda de um emprego estando com uma idade mais avançada: para muitas pessoas que chegam na meia-idade e perdem seu emprego, as condições limitantes de mercado podem fazer com que haja dificuldades para se conseguir algo novo. Assim, é comum iniciar o processo de resiliência.

O que fazer para ser mais resiliente na meia-idade?

Depois de saber bem o que é a resiliência, quais suas principais características e alguns exemplos onde esse processo pode ocorrer, é o momento de entender o que fazer para ser resiliente na meia-idade.

Mas saiba ainda que ela não nasce com as pessoas, ou seja, é totalmente possível de ser cultivada e colocada em prática sempre quando preciso.

  1. Comece a investir em ações que farão com que obtenha uma melhor formação emocional, como participação em palestras, leitura de livros, cursos de desenvolvimento pessoal, etc.;
  2. saiba aproveitar bem a tecnologia para se manter mais próximo de quem está geograficamente distante, mas não deixe que ela influencie em suas relações com pessoas que estejam fisicamente próximas a você, procurando sempre uma conversa, um abraço, enfim, o fortalecimento dos laços afetivos;
  3. procure praticar esportes, ouvir boas músicas, ler livros que acrescentam e assistir a filmes que goste, afinal, tudo isso pode proporcionar coisas que faltem em sua vida;
  4. tome como exemplo algumas pessoas resilientes que façam parte de seu convívio;
  5. procure orientação de um mentor, psicólogo ou especialista, o qual será capaz de fornecer conselhos sobre esse estado de espírito, para que possa refletir sobre o processo e também com relação à sua vida.

No decorrer deste post você pôde entender melhor o que é resiliência, assim como obter diversas outras informações para aplicar esse processo em seu dia a dia.

Coloque todas as dicas em prática, você se tornará mais resiliente, isso a ajudará a enfrentar os desafios da meia-idade. Mas lembre-se de que procurar orientação também é muito importante!

Ficou com alguma dúvida sobre este conteúdo ou quer expor sua opinião? Então não deixe de enviar o seu comentário! 💛💛

Join Our Newsletter

Categories

Related Posts

4 Exercícios para Recuperar a Autoconfiança.

4 Exercícios para Recuperar a Autoconfiança.

A falta de autoconfiança é uma condição comum para muitas pessoas. A crença de não possuir meios intelectuais e físicos é uma condição psicológica desfavorável, que leva o indivíduo a evitar riscos e se alimentar de um círculo vicioso de pensamentos autossabotadores....

Autocuidado na Menopausa: Você vai Adorar.

Autocuidado na Menopausa: Você vai Adorar.

O autocuidado durante a menopausa é importante porque as alterações nos hormônios causam vários sintomas, como irritabilidade, insônia e alterações de humor. Nesta fase da vida, o corpo necessita de muita energia para se adaptar à carencia hormonal e e por isso que a...

Como aceitar o corpo depois dos 40 anos.

Como aceitar o corpo depois dos 40 anos.

Como você se vê? Você aceita seu corpo? Hoje em dia é cada vez mais difícil para uma mulher aceitar o corpo. Vivemos um período histórico e cultural em que reina o culto à beleza padrão. De acordo com essa cultura, devemos seguir o modelo de “beleza” imposto, o que...

0 Comments

0 comentários

Enviar um comentário

Your email address will not be published. Required fields are marked *